Visitar página no facebook
Nonna Pinto

Em 2015, defendeu o trabalho de projeto realizado no âmbito de Mestrado em Tradução da Universidade Católica Portuguesa, intitulado Acrobacias do Conde Vermelho: o período de transição do realismo russo para o realismo socialista (1917-1930): tradução da novela As aventuras de Nevzorov, ou Íbico de A. N. Tolstói.

Em setembro de 2016, iniciou o programa interuniversitário de Doutoramento em Estudos de Tradução (ET), organizado pela Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa, Faculdade de Ciências Humanas da Universidade Católica Portuguesa e Faculdade de Ciências Sociais e Humanas da Universidade Nova de Lisboa.

Tradutora do livro Revoltada de Evgénia Iaroslavskaia-Markon, editado pela Guerra e Paz Editores em 2017.

Comentários (0)

Deixe um comentário

Está a comentar como convidado. Login opcional abaixo.